Eu: nada em mim

Não estou no controle do dia

Não estou no controle de nada

Nada!

Acontece, surpreende e assusta

Toma-me de assalto!

Faço e participo de tudo, mas não estou em nada

Nada!

Tudo sei e nada posso, tudo sei e não sei de nada

Nada!

Aconteceu novamente

Fui tomado de assalto

Pega ladrão!

Levou mais de mim do que eu tinha para oferecer

Levou entusiasmo, vontade, motivações

Levou tudo e não sobrei nada

Nada!

Pega ladrão!

Quando foi que aconteceu? Não sei dizer.

Não sei descrever quem foi.

Não posso relacionar aquilo que fora levado.

Levou tudo, tudo fui levado.

Quem sobrei?

Sobrei nada, sobrei eu.

Eu… Um grande monte de nada.

O que aconteceu?

Tomaram-me de assalto!

Eu?

Quem sou eu?

Não sou o outro, não sou eu.

Tomaram-me de assalto, tudo levaram, nada sobrei.

Eu: um nada em mim.

Anúncios

Participe! Entre na conversa! Comente aqui.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s